[spacer] [spacer]
Sign up with your email address to be the first to know about new products, VIP offers, blog features & more.
[spacer] [mc4wp_form id="4890"] [spacer] Zapisz Zapisz

Sobrepeso influencia na disfunção erétil?

Sobrepeso influencia na disfunção erétil?

Uma dúvida frequente entre as pessoas, com relação à saúde sexual masculina é sobre o impacto do sobrepeso na disfunção erétil. Pra começar, vale lembrar que o sobrepeso pode impactar diretamente na qualidade de vida das pessoas, de maneira geral.

Já quando o assunto é saúde do homem, estar acima do peso não impacta diretamente no  prazer sexual. No entanto, esse quadro pode gerar impotência, pois quando estamos fora do peso ideal para o nosso tipo físico, aumentam consideravelmente as chances de problemas circulatórios. E como já dissemos em outros conteúdos informativos, a ereção depende da boa circulação sanguínea para manter-se adequada para que a relação sexual aconteça.

Pra finalizar, outro ponto importante que relaciona o sobrepeso com a disfunção erétil, diz respeito ao uso de medicamentos. Um homem com excesso de peso relevante tende a precisar do uso frequente de medicamentos,

Coronavírus: o que você precisa saber.

Coronavírus: tudo o que você precisa saber

Foi detectado o 1º caso de coronavírus no Brasil, em SP. É hora de prestar atenção nos sintomas e se prevenir com medidas eficazes.

Os principais sintomas
podem ser confundidos com um resfriado ou gripe. São eles:

– Febre
 – Tosse
– Dificuldade para respirar

A transmissão do coronavírus pode acontecer através de espirros, tosse, catarro, gotas de saliva ou pelo contato físico (como um simples aperto de mão) com alguém contaminado.

Mas, como se prevenir?
Os cuidados que devemos ter com prevenção são parecidos com os que temos para evitar resfriados e gripes:

– Ao espirrar ou tossir, cubra a boca.

– Não compartilhe com outras pessoas seus objetos de uso pessoal (especialmente itens de higiene).

– Lave as mãos com frequência.

A importância da higiene na saúde sexual masculina

A importância da higiene na saúde sexual masculina

Higiene é assunto sério! E quando o tema é saúde
sexual masculina, mais ainda.
A falta de higiene correta pode gerar uma série de problemas como infecções,
assaduras e até mesmo câncer. Segundo dados da Sociedade Brasileira de Urologia,
por ano, ocorrem cerca de mil amputações do órgão genital masculino. Isso
porque, diferente do que acontece com as meninas, os meninos recebem menos
orientações sobre a importância da higiene bem feita.

Um equívoco bastante comum quando o assunto é saúde sexual do homem, é ligar a
saúde íntima masculina com sexualidade.  

Na maioria das vezes a saúde íntima masculina é associada apenas à sexualidade,
o que é um grande equívoco. Se com as meninas, os cuidados e informações
começam na primeira infância, tratamos o mesmo tema, com os meninos, de forma
bem diferente,

Mitos e verdades sobre saúde sexual masculina

#MitoOuVerdade

Exercício físico pode contribuir para quadros de disfunção erétil.
Verdade.

Praticar atividade física pode melhorar os quadros de DE porque os exercícios melhoram o sistema circulatório e mantém o sangue fluindo por todo o corpo. E tudo o que o pênis precisa para manter uma ereção firme é uma boa circulação. Sem o fluxo adequado, a ereção pode não ser suficiente para que a penetração aconteça.

Disfunção erétil não se trata com fármacos.
MITO.
A DE é tratada com fármacos, sim. Mas,
só pode ser prescrita por um médico. Nada de comprar fármacos por outros meios,
como a internet, pois estes são frequentemente falsificados e potencialmente perigosos.

Vários tipos de doenças podem causar a disfunção erétil.
Verdade.
A DE pode ser resultada de múltiplos fatores físicos, psicológicos ou da combinação de ambos.

Como uma vida sexual saudável contribui para o melhor envelhecimento

Como uma vida sexual saudável contribui para o melhor
envelhecimento

Se antigamente éramos considerados avós aos 60 anos, hoje
esse rótulo já não cabe mais. Estamos mais ativos, longevos e cada vez mais,
buscamos qualidade de vida em todas as esferas para envelhecer bem.

Um dos fatores fundamentais para chegar à terceira idade com
qualidade de vida e cabeça boa é manter a vida sexual tão ativa quanto seja
possível. Claro que a vida sexual muda. No entanto, é possível enfrentar as
novas questões como dificuldade de ereção, andropausa, síndrome genitourinária,
diminuição dos hormônios e da libido masculina, com tranquilidade.  Sabemos que essas questões impactam na autoestima
e não fáceis de falar. No entanto, enfrentar esse momento novo é fundamental
para resolver. Pra isso, acompanhamento médico e auto cuidado são primordiais,
pois uma vida sexual insatisfatória pode mexer profundamente com o humor e
acarretar quadros importantes de depressão,

Saúde sexual masculina: o papel da mulher no tratamento do parceiro

Saúde sexual masculina: o papel da mulher no tratamento do parceiro

Lidar
com a dificuldade de ereção não é fácil para o casal. No entanto, é importante
ressaltar que a mulher pode ter papel fundamental nesse processo, pois para o
homem é uma situação bastante frustrante. Outro ponto que faz a diferença é a
mulher não achar que o problema do parceiro é falta de desejo por ela. Assim,
fica mais fácil ajudar o parceiro a atravessar essa questão com mais
tranquilidade. Mas, como? Algumas mudanças de comportamento podem contribuir
para o homem ficar mais excitado:

  • Procure o seu parceiro! Mulheres com iniciativa excitam mais seus parceiros. Por isso, tentar situações novas pode ser interessante: assistir ou ler algo sensual e incrementar as preliminares pode ser um bom começo!
  • Aposte em produtos eróticos. Especialmente se vocês não têm esse hábito,

5 perguntas sobre saúde sexual masculina

5 perguntas sobre saúde sexual masculina

Quando o assunto é a saúde sexual do homem, algumas dúvidas são recorrentes. E nossos especialistas escolheram 5 perguntas que vocês enviaram em nossas redes sociais, para responder e esclarecer um pouco sobre elas:

1. O que é a disfunção erétil?
A disfunção erétil (DE) define-se como a incapacidade persistente de manter uma ereção do pénis suficiente para conseguir ter uma atividade sexual satisfatória. Tem uma incidência de 13%.

2. O que é uma ejaculação precoce? Quanto tempo um homem demora em média a ejacular? 
O termo mais correto será ejaculação prematura e corresponde a uma disfunção sexual masculina que se caracteriza por uma ejaculação que ocorre sempre ou quase sempre antes ou até um minuto após a penetração vaginal. Embora não exista um tempo definido, pois o mesmo é variável e depende de múltiplos fatores,

Mitos e verdades sobre a saúde sexual masculina

Mitos e verdades sobre a saúde sexual masculina

São muitas as dúvidas que permeiam o tema: saúde sexual masculina.
Manter-se informado é um primeiro passo para entender que, quando o assunto é esse, também existem dezenas de mitos e verdades. Vamos conhecer alguns deles?

  1. A Disfunção erétil (DE) é causada em 100% dos casos por fatores psicológicos. MITO.
    A DE pode ser causada por fatores psicológicos, mas não é a única causa. Ela também pode ocorrer por outros problemas que interferem no funcionamento adequado do organismo que provoca a ereção.
  2. É possível fraturar o pênis.
    VERDADE. É possível fraturar o pênis. Esse tipo de situação resulta de um traumatismo do pênis quando em ereção e, regra geral, no decorrer de uma relação sexual, levando à rotura da camada albugínea que reveste os corpos cavernosos,

Dicas para começar o ano com mais saúde

Dicas para começar o ano com mais saúde

2019 está acabando e fim de ano, é sempre aquele momento de pensarmos o que queremos para o ano que começa. Na nossa lista de desejos, o primeiro deles é entrar 2020 com mais saúde!

Para tanto, escolhemos algumas dicas que irão te ajudar
nessa missão:

  • Check-up
    faz toda a diferença – começar o ano fazendo aquele check-up é fundamental pra
    dar o pontapé inicial com a saúde em dia e saber o que precisa ser mudado.
    Depois do check-up é hora de mudar! Alimentação, atividades físicas, aumentar
    os momentos de lazer…

  • Atividades
    físicas – se você ainda não é adepto, comece! Praticar exercícios com
    frequência melhora o funcionamento do corpo, contribui pra a manutenção (e
    redução) de peso, traz mais disposição e bem estar para o dia a dia.

Sobre a falta de libido masculina: entenda mais.

Sobre a falta de libido masculina: entenda mais.

Por definição, a falta de libido é a
redução dos impulsos sexuais. E nem sempre isso significa um problema sério. A
primeira informação importante é saber que, à medida que o homem fica mais velho, a libido diminui e é natural que
isso ocorra.

Além disso, existem outras causas relevantes que podem gerar impactos na
libido, como:

  • Fatores psicológicos como depressão, ansiedade e até problemas de relacionamento,
  • Uso contínuo
    de medicamentos
  • Baixos níveis
    de testosterona no sangue.

Para
você entender um pouco mais, falaremos sobre cada um deles abaixo:

Depressão – Quadros depressivos afetam diretamente a libido (tanto
masculina quanto feminina), pois mexem com a auto estima, energia, sensação de
bem estar e disposição. E não podemos deixar de lembrar que o ato sexual exige
disposição física e mental.