Existe medicação para ejaculação precoce?

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Chegar ao final da relação rápido, sem proporcionar a satisfação à parceira, é o pesadelo de muitos homens. Diante disso, eles se perguntam se existe medicação para ejaculação precoce.

Junto à impotência, a ejaculação precoce é um dos distúrbios que mais comprometem o desempenho dos homens na cama.

tratamentos

Esse distúrbio é verificado quando, logo após iniciar a penetração, o homem ejacula, encerrando a relação sexual.

Outras vezes, o problema é ainda mais grave. Então, o homem ejacula até mesmo antes da penetração, simplesmente frustrando suas expectativas e as da parceira.

Mas afinal, existe uma solução para a ejaculação precoce? O paciente encontra medicação disponível para resolver esse problema? Leia o post para saber!

Como funciona a ejaculação?

A ejaculação consiste na liberação do sêmen. Essa expulsão acontece quando o homem chega ao nível máximo de excitação, o orgasmo.

Quanto mais tempo a ejaculação demora, maior é o prazer e o orgasmo pode ser mais intenso.

No entanto, alguns homens não conseguem manter uma relação sexual mais longa, pois eles ejaculam rápido.

Essa situação causa uma grande frustração a eles e também à parceira. Afinal, ela não consegue atingir um nível alto de excitação e muito menos chegar ao orgasmo tão rápido.

Considera-se que o homem sofre de ejaculação precoce quando ele não consegue manter sua relação sexual por mais de 1 ou 2 minutos.

Quais são as causas da ejaculação precoce?

Antes de responder à questão “existe medicação para ejaculação precoce”, vamos entender melhor suas causas.

Por que, afinal de contas, o homem ejacula precocemente? Existem vários motivos possíveis:

  • disfunção erétil;
  • utilização de certos medicamentos;
  • níveis alterados de neurotransmissores;
  • anomalias no sistema ejaculatório;
  • baixo fluxo sanguíneo;
  • hipersensibilidade na glande;
  • problemas na tireoide;
  • problemas na próstata e na uretra;
  • danos no sistema nervoso causados por cirurgias ou traumas;
  • fatores genéticos;
  • problemas emocionais (medo, ansiedade, estresse);
  • problemas de relacionamento.

Então, o primeiro passo para solucionar a ejaculação precoce é identificar suas causas. Por meio de consultas e exames, o médico prescreve o tratamento mais adequado para combatê-la.

existe medicação para ejaculação precoce

Só existe medicação para ejaculação precoce ou é possível utilizar outros tratamentos?

Algumas pessoas acreditam que existem técnicas para retardar a ejaculação, prolongando o tempo da relação sexual e proporcionando uma satisfação maior para o homem e para a mulher. Mas a verdade é que a grande maioria não passa de mitos, sem comprovações científicas.

Um desses mitos é a masturbação “estratégica”: o homem se masturba e quando sente que vai ejacular, aperta a base da glande, impedindo a expulsão do sêmen.

Outra técnica bastante divulgada, mas sem comprovação científica de resultados positivos, que dizem ajudar a retardar a ejaculação é a contração do músculo pubococcígeo. 

Basicamente o homem precisa contrair esse músculo por um período de 3 a 10 segundos. O pubococcígeo está situado entre o escroto e a entrada do ânus. Também existem protocolos que preveem sucessivas contrações ritmadas.

Quem é o profissional que pode ajudar na solução da ejaculação precoce?

Embora técnicas como a masturbação e a contração do músculo pubococcígeo estejam ganhando fama por uma possível ajuda no controle da ejaculação, isso não substitui um tratamento adequado proposto por um médico. Por isso é importante que o homem busque atendimento especializado.

Afinal, como já dissemos, o problema pode ter diversas causas. A eficácia de tratamento dependerá de uma abordagem que atue na origem dessa disfunção.

Portanto, dependendo do problema que causa a ejaculação precoce, o homem não terá resultado apenas com essas técnicas. Inclusive, ele se sentirá frustrado por não ter o efeito esperado.

O fracasso nessa tentativa trará consequências psicológicas. Diante disso, pode ser ainda mais difícil resolver o problema, mesmo com uma abordagem adequada, devido às dificuldades emocionais.

Então, o primeiro passo para solucionar o problema é realmente buscar ajuda especializada. O próprio médico poderá orientar sobre a eficiência de certos exercícios, conforme o caso.

Para identificar a causa, o médico fará perguntas para reunir o máximo de informações. Além disso, ele poderá solicitar exames que mostram a condição geral de saúde, bem como os níveis de testosterona no sangue, por exemplo.

Somente após a consulta e os exames ele dará o diagnóstico e começará o tratamento.

Existe medicação para ejaculação precoce?

Sim, existe medicação para ejaculação precoce. Porém, ela deve ser prescrita pelo médico especialista.

Existem também pomadas anestésicas locais que reduzem a sensibilidade da glande. Assim, elas retardam a ejaculação.

Embora em alguns casos o uso de preservativos ajude, o paciente não deve se apoiar apenas nessas soluções temporárias. Em primeiro lugar, muitos homens não conseguem controlar a ejaculação nem mesmo com esse recurso.

Além disso, tentar retardar a ejaculação com o uso de preservativos não soluciona as causas do problema.

Quanto à medicação para ejaculação precoce, é fundamental que ela seja prescrita unicamente pelo médico. Não existem fórmulas milagrosas e qualquer produto, mesmo que supostamente natural, traz impactos à saúde.

Existem diversas categorias de medicação para ejaculação precoce. Antidepressivos, determinados analgésicos, inibidores da 5-fosfodieterase são algumas das opções prescritas de acordo com as necessidades de cada paciente.

Portanto, toda medicação deve ser tomada na dosagem prescrita e durante o tempo necessário. Você não deve se automedicar e nem suspender seu uso sem consultar o especialista.

Além da medicação, é possível que o médico oriente sobre terapia sexual e recomende a psicoterapia (principalmente, quando as causas do problema são predominantemente emocionais).

Porém, é importante destacar que na maioria das vezes a causa do problema é orgânica. Não se deve atribuir a distúrbios emocionais disfunções causadas por um mau funcionamento do corpo.

Você sofre com a ejaculação precoce? Saiba que existe medicação para ejaculação precoce e que ela poderá ajudá-lo eficazmente nessa questão.

Então, não perca tempo! Procure um médico especializado para fazer seu tratamento. Entre em contato com a nossa equipe e teremos o prazer de atendê-lo!

tratamentos