[spacer] [spacer]
Sign up with your email address to be the first to know about new products, VIP offers, blog features & more.
[spacer] [mc4wp_form id="4890"] [spacer] Zapisz Zapisz

Ejaculação precoce: Conheça 5 mitos

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

ejaculação precoce

Problemas sexuais são temas que assustam até os mais confiantes dos homens. Não somente os problemas de ereção ou de falta de libido são preocupantes para qualquer pessoa do sexo masculino, mas também a ejaculação precoce.

Existem, entretanto, muitos mitos relacionados à manifestação desse problema no processo de ejaculação. Desmenti-los, portanto, é a melhor maneira de mostrar que essa condição pode acometer qualquer tipo de homem, mas que ela também tem tratamento e solução.

Confira, neste artigo, alguns mitos que você deve esquecer sobre ejaculação precoce:

1. A ejaculação precoce só acontece em adolescentes

Engana-se quem pensa que a ejaculação precoce é uma condição só manifestada por adolescentes. É claro que ela pode ser mais comum nessa faixa etária visto que tem muita relação com o estado emocional do indivíduo e, como o adolescente é geralmente mais inexperiente sexualmente, a tensão pode interferir na sua performance.

Entretanto, muitos homens adultos que nunca trataram na adolescência, ou quando estes começam a ter disfunção, também podem ter ejaculação precoce. Por isso, é importante perder o preconceito e reconhecer que essa é uma condição que pode atingir qualquer homem.

2. Somente homens inexperientes manifestam a ejaculação precoce

Assim como o mito da ejaculação precoce somente em adolescentes, acreditar que ela se manifesta também somente em homens inexperientes é se enganar sobre o assunto. Como afirmamos no tópico anterior, a ejaculação precoce é uma condição muito mais relacionada com fatores emocionais e psicológicos do que, necessariamente, com a tensão por uma possível falta de experiência no aspecto sexual.

A ejaculação precoce é o primeiro degrau de uma disfunção erétil, se não tratada caminha para a disfunção.

ejaculação precoce

3. Quem tem ejaculação precoce não pode também ter problema de ereção

É preciso ficar atento, pois o indivíduo realmente pode ser acometido com as duas condições ao mesmo tempo. Os problemas de ereção também podem ter como sua principal causa condições emocionais e psicológicas significativas, que interferem na capacidade sexual do homem.

4. A ejaculação precoce não é prejudicial para a saúde

A ejaculação precoce pode influenciar na saúde psicológica e emocional do homem, especialmente se ele não consegue aumentar o tempo de prática sexual por causa dessa condição, levando a ansiedade, baixa autoestima, baixa autoconfiança e depressão.

Para evitar que a ejaculação precoce seja um dos responsáveis por afetar a saúde do indivíduo, é preciso procurar ajuda profissional e tratar o que leva ao desenvolvimento dessa condição.

5. Essa condição não é prejudicial para a mulher

A ejaculação precoce dificulta ou impede o pleno orgasmo, fazendo com que a mulher fique insatisfeita, ansiosa e se afaste das relações sexuais. Por isso, se você está manifestando ejaculação precoce e teme compartilhar suas inseguranças com sua parceira, saiba que abrir o jogo pode ser o melhor começo para mudar a qualidade da vida sexual de ambos, porque ela percebe e sabe que você está passando por este problema.

Você conhecia algum desses mitos sobre ejaculação precoce? Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Compartilhe conosco nos comentários abaixo.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×